CURSO ONLINE DE EMPREENDEDORISMO E INOVAÇÃO

A riqueza no futuro: dos donos do intangível

por Francisco Santolo
Março 2020

O sonho de ser dono. Da casa própria. Do carro próprio. Minha geração cresceu com o objetivo de buscar segurança na acumulação de bens, na tangibilidade dos imóveis.

O papel do capital no novo "capitalismo" mudou drasticamente, e o status quo irá sofrer uma disrupção total. Na riqueza acumulada em forma de bens, propriedades e máquinas - com exemplos claros de locais comerciais e fábricas com máquinas pesadas - habita hoje um importante componente de risco.

Os bens perdem valor cada vez mais rápido, com as tecnologias avançando exponencialmente e os custos marginais de produção tendendo a zero.

Com profunda convicção sobre o funcionamento da economia que está chegando, escolho hoje ser o dono apenas da minha empresa, da minha mala, do meu computador e celular. Um desapego que me dá espaço para viver e trabalhar em mais de 20 países, cultivando relacionamentos, culturas e aprendizados permanentes.

As poucas empresas que estão lendo bem a economia do futuro já não se apegam mais a uma indústria, e seus produtos e serviços refletem essa tendência. A Amazon, que se reinventa com modelos de negócios flexíveis, oferece, na sua divisão Motors, aluguel online de carros por mês, com entrega a domicílio, seguro, assistência, assinatura digital do contrato e possibilidade de devolução se o carro não resultar funcional.

Este é apenas um exemplo muito simples, entre os milhares que antecipam o declínio das posses, do surgimento de mais áreas da economia compartilhada e da oportunidade de que o trabalho seja um espaço de desenvolvimento do ser, de realização dos propósitos da nossa vida.

Destino a maior parte do meu tempo e dinheiro estudando e gerando conhecimento, viajando construindo minha empresa, cultivando relacionamentos, formando comunidades e apoiando outras pessoas. Me alimentando de uma poderosa diversidade e crescente riqueza intangível que levo comigo, uma fonte de prazer todos os dias.

É essa mesma riqueza intangível que nos permite, em colaboração com a nossa comunidade de empreendedores e profissionais, realizar nossos sonhos e propósitos individuais, e a que permite o propósito conjunto de deixar nosso legado no mundo: que tornar possível seja finalmente possível para todos.

Outros artigos de Francisco Santolo